CONTADOR DE VISITAS

terça-feira, 28 de maio de 2013

Amor-próprio

Lendo sobre o Amor-próprio no livro de Erasmo de Roterdã, fiquei a "ruminar" sobre este assunto.
Até que percebi tantos que amam somente a si, que quando parecem que amam a outros, na verdade, amam a si novamente, isto é, amam apenas porque são amados por esses outros seres que bajulam e tentam receber alguma migalha de atenção.
A realidade, não amam, apenas fingem que o outro tem alguma importância, que faz alguma diferença...faz, mas porque é materialização da idolatria, mendigando atenção de um ser "perfeito".
O amor-próprio de algumas pessoas chega a estravasar e banalizar qualquer atenção e carinho dado pelo egocêntrico.
É...Erasmo de Roterdã talvez tivesse razão...o amor-próprio pode fazer companhia a loucura...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...